sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Marcelo Randemarck


Natural de Natal/RN, Marcelo Randemarck é baixista, compositor, arranjador e produtor musical. Iniciou seus estudos na escola de musica da Universidade Federal do Rio Grande do Norte onde estudou violão, teoria musical e solfejo. Posteriormente, elegeu o contrabaixo como seu instrumento e aperfeiçoou sua arte através do curso de capacitação em harmonia funcional e improvisação com o professor Manoca Barreto na Escola Livre de Música- TOQUE - (RN); curso avançado de harmonia funcional e improvisação com o professor Nelson Faria na Escola Villa Lobos (RJ) e curso de improvisação e harmonia de música brasileira com o músico Toninho Horta na Escola Pró-Music (Juiz de Fora/MG), além de participar de workshops com grandes mestres brasileiros do contrabaixo: Paulo Sarkis, Dudu Lima, Paulo Russo, Adriano Giffone, Nico Assumpção, Sizão Machado, Itamar Colaço.

 Em 1996, convidado a participar do CD de Davi Duarte, intitulado “Dentro dos Sonhos”, radicou-se em Fortaleza/CE onde trabalhou como instrumentista, compositor e arranjador ao lado de renomados músicos do cenário musical alencarino: Phatima Santos, Isaac Cândido, Melquíades, Paulo Façanha, Marcus Caffé, Regis e Rogério, Ednardo, dentre outros. No circuito nacional, acompanhou os músicos: Benito di Paula, Ednardo, Geraldo Azevedo, Ito Moreno, Zezé Mota, Elza Soares e Tânia Alves, além de participar de eventos e festivais no Brasil e no exterior: Festival Canta Nordeste – (Natal-RN)/1993; Festival do SESC (Natal-RN)/1996; Euro-Festival Jazz (Europa)/1999 e 2000; Heineken Festival Jazz (Europa)/1999 e 2000; Havana Festival Jazz (Cuba)/2002 e 2003; Cover Baixo IBT Festival (São Paulo-SP)/2006; Festival de Música Antiga do Araripe (Araripe-CE)/2006; I Art Wood Bass Day (Curitiba-PR)/2006.; Festival Luthearia Brasil (Juazeiro do Norte -CE)/2008.

 Em 2005, mudou-se para São Paulo onde residiu por quatro anos. Nesse intercurso, lançou seu primeiro CD de música instrumental brasileira, intitulado “Marcelo Randemarck”. Em 2009, de volta à Fortaleza, participou como compositor do CD “traço do poeta”, do poeta Pio Rodrigues, com participação especial de Danilo Caymmi. Em 2010, lançou seu primeiro CD de poemas musicados - Denso e Banal - em parceria com o arquiteto e poeta Silvio Barreira, tendo realizado o lançamento mediante patrocínio do BNB/BNDS em Fortaleza (2010) e Juazeiro do Norte/CE (2012). 

Ainda em 2011, o músico lançou seu segundo disco autoral “Puro Querer” e realizou diversos shows de divulgação no circuito Juazeiro do Norte/CE, Crato/CE, Fortaleza/CE e Souza/PB. No Crato/CE, onde residiu durante um ano, abriu a sala de estudo “NICO ASSUMPÇÃO” onde ministrava aulas de contrabaixo elétrico e violão popular e foi presença marcante nas casas noturnas e em importantes eventos musicais da cidade, dentre eles: Expo-Crato/2011, SESC/CRATO e como Jurado no Festival Cariri da Canção/etapa nacional/2012, além de atuar junto a respeitáveis músicos da região como Ibbertson Nobre, Hugo Linard, Ranier Oliveira e Abidoral Jamacaru.

 Recentemente, apresentou seu trabalho na Mostra Petrúcio Maia, em Fortaleza/CE (2012). No momento atual, o músico prossegue ministrando cursos, workshops e apresentando shows em diversas cidades do nordeste com intuito de difundir a música instrumental brasileira e contribuir para a formação de jovens instrumentistas.

Nota do blog: O texto acima foi copiado de site sobre o artista.  A foto foi tirada do Facebook.

Nenhum comentário:

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!