sábado, 9 de abril de 2011

Centro Cultural do Banco do Nordeste-Cariri


Geraldo Júnior - Foto de divulgação

Recebi a seguinte notícia do Setor de Imprensa do CCBNB, que reproduzo abaixo:

CCBNB-Cariri comemora cinco anos de existência valorizando os artistas e grupos caririenses

FORTALEZA, 08.04.2011 – O Centro Cultural Banco do Nordeste-Cariri (Rua São Pedro, 337 – Centro – fone: (88) 3512.2855), com sede em Juazeiro do Norte, na região Sul do Ceará, comemora, neste mês, cinco anos de existência, valorizando os artistas e grupos caririenses. Será realizada uma série de eventos comemorativos, abrangendo espetáculos de teatro adulto e infantil, shows, exibição de filmes, contação de histórias e passeio cultural.

Neste sábado, 9, às 16 horas, acontecerá a contação de histórias “Deuses, heróis e monstros da mitologia”, com Elizabete Pacheco, inspirada na milenar mitologia grega e permeada por aventuras que envolvem deuses e monstros. O conjunto de histórias mostra como a humanidade era vista pelos antigos gregos e como ela está presente na história do ocidente. A contação será reapresentada no dia 16, às 16h.

Além da contação de histórias, três espetáculos infantis serão apresentados no teatro do CCBNB-Cariri: “Tio G.” (neste sábado, 9, às 15h); “Lampiãozinho”, com a Cia. Yoko de Teatro, do Crato (dia 16, às 15h e 17h); e “Os três porquinhos”, com a Cia. Anjos da Alegria, também do Crato (dia 30, às 15h).

A mostra de filmes destaca o trabalho de cineastas caririenses. Neste sábado, 9, às 17h30, serão exibidos os seguintes curtas-metragens: “A curva”, de Salomão Santana; “Corpos sagrados”, de Mariana Porto; “Cerca”, de Glauco Vieira; “Amor”, de Ythallo Rodrigues; e “Jarro de Peixes”, de Salomão Santana. No dia 16, será apresentado o longa-metragem “Estrada para Ythaca”, dirigido pelos Irmãos Pretti e Primos Parente. E no dia 30, a partir das 17h30, serão exibidos cinco curtas-metragens: “Lampião”, de Ythallo Rodrigues; “Também sou teu povo”, de Orlando Pereira e Franklin Lacerda; “Encontro não marcado”, de Michel Macedo; “Adeus, meu bem!”, de Allison Gomes e Ythallo Rodrigues; e “Quarta parede”, de Allison Gomes e Roberto Alves.

Dentro do programa Arte Retirante, que leva espetáculos para além das dependências do Centro Cultural, serão encenadas cinco peças teatrais, sendo quatro adultas e uma infantil, a saber: “Bodas de sangue”, do autor espanhol García Lorca e direção de Márcio Rodrigues, com o grupo cratense Centauro de Teatro, no município de Barbalha (dia 10, às 19h); “A vingança do finado Joaquim”, dirigida por Flávio Rocha e apresentada pela Cia. Anjos da Alegria, do Crato, na Vila Três Marias, em Juazeiro do Norte (dia 17, às 16h30); “Retalhos de minha terra”, com direção, pesquisa e texto de Gilsimar Gonçalves e apresentação pelo Grupo de Teatro Louco em Cena, de Barbalha, na Festa dos Karetas, na cidade de Jardim (dia 21, às 17h). E para a garotada, o espetáculo infantil “Os três porquinhos”, com a Cia. Anjos da Alegria, do Crato, na Fundação Casa Grande, em Nova Olinda (dia 29, às 16h).

Já no teatro do CCBNB-Cariri, serão apresentados os seguintes espetáculos cênicos: “Pássaro de voo curto”, com texto de Alcione Araújo e direção de Mauro César, e encenação pela Cia. Entremeios de Teatro, do Crato (dia 12, às 19h); “Avental todo sujo de ovo”, com direção de Jânio Tavares e apresentação pelo Grupo Ninho de Teatro (dia 13, às 19h); “Caboré”, com direção de Mano Damasceno e apresentada pela Cia. Desabafo de Teatro, de Juazeiro do Norte (dia 14, às 19h); “A comédia da maldição”, texto e direção de Cacá Araújo, com a Cia. Cearense de Teatro Brincante, do Crato (dia 15, às 19h); “O hóspede”, com direção de Joylson John Kandahar, encenada pela Cia. Mandacaru, de Juazeiro do Norte (dia 19, às 19h); e o monólogo “Retrato”, livremente inspirado na obra de Elias José, com texto e direção de Yarley Lima e apresentação de Walesvick Pinho, da Cia. Yoko de Teatro, do Crato (dia 20, às 19h).

Na área musical, serão realizados, no final do mês, nove shows comemorativos dos cinco anos de existência do Centro Cultural BNB-Cariri. No dia 26, apresentam-se Os Peleja, de Barbalha, às 18h30, e a Família Linard, do Crato, às 19h50. No dia 27, o rock do Morfin 8, às 18h30, e da Glory Fate, às 19h50 (ambas são de Juazeiro do Norte). No dia 28, às 18h30, canta Sílvio Grangeiro, de Milagres, e às 19h50, Geraldo Júnior, de Juazeiro do Norte. No dia 29, é a vez do show coletivo que reunirá nomes como Abidoral Jamacaru, Luiz Carlos Salatiel, João do Crato e Zabumbeiros Cariris, às 19h. No dia 30, Cleivan Paiva e Dihelson Mendonça, ambos do Crato, apresentam juntos o show “Tons musicais”, às 20h. No dia 1º de maio, Geraldo Júnior retorna ao palco, mas desta vez na Fundação Casa Grande, em Nova Olinda, às 19hs.


Antes, no dia 30 de abril, às 16h30, haverá o Passeio Cultural, cujo objetivo é mostrar às crianças lugares do Cariri, valorizando a cultura e a história da região. O foco do passeio serão as praças históricas, a exemplo da Praça da Sé, no Crato.

Um comentário:

cearense disse...

O Cariri é um celeiro de talentos e o Centro Cultural do BNB é um canteiro adubado para que estes talentos possam florescer e dar bons frutos. Parabéns pelo Blog.

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!