sexta-feira, 7 de maio de 2010

Centro Cultural Banco do Nordeste - Vídeos no You Tube

Centro Cultural Banco do Nordeste disponibiliza perfil no Twitter e canal de vídeos no You Tube

FORTALEZA, 07.05.2010 – O Centro Cultural Banco do Nordeste está disponibilizando dois canais em mídias sociais: um perfil no microblog Twitter e um canal de vídeos no You Tube.
O perfil no Twitter (www.twitter.com/ccbnb) está compartilhando e colhendo – junto aos internautas – informações, sugestões e opiniões sobre a programação dos três Centros Culturais Banco do Nordeste (Fortaleza; Cariri, em Juazeiro do Norte, na região sul do Ceará; e Sousa, no alto sertão paraibano). O perfil atualmente conta com 363 seguidores.
Recentemente, dentro da programação do IV Festival BNB das Artes Cênicas, a entrevista com o ator, dramaturgo e diretor teatral Ricardo Guilherme foi tuitada ao vivo no perfil do CCBNB, destacando e compartilhando frases emitidas pelo artista sobre sua história de vida e trajetória artística, no decorrer da conversa.

Por sua vez, o canal do Centro Cultural Banco do Nordeste no You Tube (www.youtube.com/user/centroculturalbnb) está exibindo vídeos de entrevistas com os cantores e compositores Raimundo Fagner, Ednardo, Alceu Valença, Geraldo Azevedo e Antônio Nóbrega, com o dramaturgo, romancista e poeta Ariano Suassuna e com o ator Emiliano Queiroz, além de um debate sobre Literatura na Internet e um vídeo institucional sobre o BNB.
Com duração média total de 55 minutos, cada uma dessas entrevistas e debate disponível no canal do CCBNB no You Tube está dividida em cinco a sete blocos. Ao todo, são 44 vídeos publicados no referido canal, segmentados em sete programas especiais (entrevistas e debate), mais o vídeo institucional.
Entre os diferenciais interessantes do acesso a esses vídeos publicados no canal do CCBNB no You Tube, o designer gráfico do Ambiente de Comunicação do BNB, Gabriel Ramalho, aponta: “os vídeos podem ser vistos na Internet, no momento e na ordem em que o internauta desejar e, também, através de dispositivos móveis, em qualquer lugar, como Ipod, Iphone e demais smartphones; além disso, os usuários podem optar por se inscrever no canal de vídeos, recebendo, assim, todas as atualizações em primeira mão; e todos os vídeos podem ser compartilhados em blogs, redes sociais ou enviados aos amigos”.

As entrevistas foram gravadas no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, dentro dos programas Nomes do Nordeste, Literato e Papo XXI. O Nomes do Nordeste mostra a trajetória de vida e a atuação artístico-cultural dos principais nomes da cultura nordestina, por meio de depoimentos de profissionais e artistas reconhecidos nacional e internacionalmente.
Já o Literato contempla a realização de palestras com autores nordestinos, além de debates sobre temas ligados à literatura regional. Nesses encontros, os leitores são apresentados às idéias dos autores, discutindo obras ou temas.

Além do Nomes do Nordeste e do Literato, o CCBNB realiza o Papo XXI. Nesse programa de debates, o tema central são as tendências da cultura para o Século XXI. O objetivo é discutir e aprofundar os conhecimentos sobre temas emergentes da atualidade, com forte repercussão no Nordeste.
Editados no formato DVD, as entrevistas, debates, depoimentos e palestras referentes a esses três programas são veiculados na rede de TVs públicas brasileiras. Organizadas em cinco coleções de dez volumes, esses DVDs são distribuídos gratuitamente pelo Centro Cultural Banco do Nordeste para bibliotecas e estabelecimentos de ensino públicos, equipamentos culturais e organizações não-governamentais, mediante solicitação por ofício. A íntegra das entrevistas com os cantores e compositores Alceu Valença e Geraldo Azevedo também está disponível em forma de livro.

Veja a seguir a sinopse de cada uma dessas entrevistas disponíveis no canal do Centro Cultural Banco do Nordeste no You Tube (www.youtube.com/user/centroculturalbnb):

Raimundo Fagner – Capaz de misturar Luiz Gonzaga, Beatles e Roberto Carlos e fundir com desenvoltura as culturas árabe, ibérica, caribenha e nordestina em sua própria música, ele se autodefine como um “liquidificador ambulante”. O personagem é o cantor, compositor, instrumentista, ator e produtor musical cearense Raimundo Fagner Cândido Lopes, nascido em 13 de outubro de 1949, em Fortaleza. Entrevistador: Valdo Siqueira – produtor audiovisual, pesquisador, colecionador musical e radialista. Programa gravado no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, no dia 09/05/2006. Duração: 55 minutos.

Ednardo – Ednardo é integrante da geração de músicos que deixou o Ceará no início dos anos 1970, com o objetivo de tentar carreira profissional em nível nacional. Nessa busca, o músico acabou por levar, não apenas ao “sul maravilha”, mas a todo o País, o canto das coisas de seu terra: das dunas brancas à aldeia Aldeota. Do primeiro disco ao lado de Téti e Rodger de Rogério em 1973, o LP “Meu corpo, minha embalagem, todo gasto na viagem”, que ficou conhecido como “Pessoal do Ceará”, às trilhas para cinema e TV – incluindo seu maior sucesso nacional, “Pavão Mysteriozo”, da fonte do cordel para o folhetim global em 1976. Três anos depois, foi um dos articuladores da “Massafeira Livre”, evento cultural que deu origem a um disco, compondo novo retrato da música cearense. Desde então, Ednardo segue produzindo, compondo, lançando discos, fazendo shows, refletindo sobre sua arte e as coisas de seu tempo e seu lugar. Entrevistador: Nelson Augusto – jornalista e pesquisador musical. Programa gravado no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, no dia 30/01/2007. Duração: 53 minutos.

Alceu Valença – Nascido em 1946, Alceu Valença é um dos mais expressivos nomes da música brasileira, um artista que atingiu o maior equilíbrio estético entre as bases musicais nordestinas com o universo dos sons elétricos da música pop. Nesta entrevista, esse pernambucano compositor, cantor, mago, anjo avesso, nascido na terra dos Quatro Cantos, reconhecido e aplaudido em todos os cantos do mundo, monta em seu cavalo-de-pau, aguça os sentidos e galopa na fala da infância prodigiosa; das referências e influências musicais; das canções e dos sucessos. Filosofa, defende as raízes nordestinas e conta causos. Este é nosso convite para a reflexão no espelho cristalino do artista, para a folia em torno da vida do eterno menino e brincante. Entrevista realizada pelo ator, apresentador, diretor teatral e dramaturgo Ricardo Guilherme, no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, no dia 05/02/2004. Duração: 55 minutos.

Geraldo Azevedo – Nascido em 1945, Geraldo Azevedo é mais um dos grandes artistas brasileiros que deixa registrada, com seu timbre de voz e seu sotaque tipicamente nordestino, a grandiosidade das cantigas bem arranjadas. Nesta entrevista, esse pernambucano das margens do Rio São Francisco, rincões de Petrolina, defende as águas de sua infância e de sua juventude. Ele, que cedo descobre a bossa nova e experimenta tocar e cantar, apenas como uma forma de estar no mundo. Lembra do tempo que queria ser engenheiro ou arquiteto; dos tempos difíceis, de prisões e torturas. Mas também se enternece com a vida e canções dos inúmeros parceiros. De Jatobá para o mundo, eis aqui circunstâncias desse cantor-passarinho, desse bicho de sete cabeças, desse caravaneiro da vida cigana... Entrevista realizada pelo ator, apresentador, diretor teatral e dramaturgo Ricardo Guilherme, no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, no dia 15/07/2004. Duração: 55 minutos.

Ariano Suassuna e Antonio Nóbrega – Os Romanceiros Ibérico e Brasileiro: Este programa apresenta o encontro de dois dos mais expressivos e autênticos nomes da cultura nordestina: o escritor, dramaturgo, poeta e gravurista Ariano Suassuna e o pesquisador, músico, dançarino e ator Antonio Nóbrega, abordando o tema “Os Romanceiros Ibérico e Brasileiro”. Romanceiros é um conjunto de poemas narrativos, unidos por um tema central, onde cada poema é um romance. Romanceiros também pode ser entendido como uma coleção de poesias e canções populares, de um país ou de uma região, que andam na boca do povo. Mediadora: Eleuda de Carvalho – jornalista. Programa gravado no auditório do Centro de Convenções do Ceará, durante a 6ª Bienal Internacional do Livro, em Fortaleza, no dia 29/08/2004. Duração: 55 minutos.

Emiliano Queiroz – Nascido em Aracati (CE), o ator Emiliano Queiroz atuou no teatro e na televisão cearenses (final dos anos 1950 e início da década de 60, respectivamente). Depois transferiu-se para o Rio de Janeiro, onde desde 1965 integra o elenco da TV Globo – emissora na qual consagrou-se nacionalmente, interpretando personagens marcantes em novelas (Juca Cipó em “Irmãos Coragem” e Dirceu Borboleta em “O Bem Amado”) e em filmes como “O grande mentecapto”, “Madame Satã”, “O Xangô de Baker Street”, “Navalha na carne”, “Dois perdidos numa noite suja” e “Independência ou morte”. Entrevistador: Ricardo Guilherme – ator, apresentador, diretor teatral e dramaturgo. Programa gravado no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza, no dia 30/03/2007. Duração: 55 minutos.

Nenhum comentário:

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!