terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Nilson Lima - Show em Fortaleza


Show Nilson Lima e Convidados

Local: SESC Iracema Fortaleza
Dia: 06/02/09
Horário: 20h
Valor R$ 10,00

Participações Especiais:
Simone Guimarães
Isaac Cândido
Evaldo Gouvei
Myrlla Muniz

Músicos
Cainã Cavalcante: Violão\Guitarra
Miquéias dos Santos: Baixo
Aquiles Santos: Bateria

No repertório:

Música do seu primeiro CD "Toda Palavra" e algumas músicas do seu 2º CD "Canção de Verão" e algumas de compositores cearense.


Nilson Lima

Enfrentar o público nunca assustou Nilson Lima. Desde menino ele costumava fazer surpreendentes demonstrações de seu talento para os admiradores e amigos. Ele, como outros artistas, começou nos festivais da década de 80, na sua terra querida, quando se destacou no Festival Universitário da Canção, e consagrou-se melhor intérprete do Festival de Verão de Camocim. Muita coisa boa aconteceu em Fortaleza, como a noite em que foi acompanhado pela Orquestra de Câmara dos Jovens Solistas da Paraíba no Teatro José de Alencar, e deu os primeiros passos na profissionalização em bares e hotéis, além da abertura das divertidas apresentações de Tom Cavalcante, Rossicléa e outros representantes do humor, outra tradição cearense.
O desejo de cantar levou Nilson para o Rio de Janeiro no início dos anos 90, para subir ao palco de casas noturnas como Vinícius Piano Bar, Sinal Verde e Encontros Cariocas. E foi nessa experiência carioca que sentiu a emoção de ser ouvido em todo o país, cantando no Domingão do Faustão.
O seu destino parecia já estar escrito, e assim veio para Brasília amadurecer uma carreira coerente e respeitada. Começou no antigo Singular Scoth Bar, sendo em seguida incluído no Projeto Nota 10, no Feitiço Mineiro, casa que sempre prestigiou seu trabalho. Sua ligação com a cidade se fortaleceu nas comemorações dos "36 anos de Brasília", quando se apresentou em plena Esplanada dos Ministérios.
No final da década de 90, Nilson criou Saudades e Viagens, show que serviu para a gravação ao vivo do segundo CD Demo. Com Célia Rabelo montou o espetáculo "Amigos" em 2000, retomado no ano seguinte com Revendo Amigos. Uma característica de Nilson Lima é gostar de projetos, marcando sua presença no Cultura em Conjunto, Temporadas Populares e Arte por Toda parte, por exemplo. É amplamente reconhecido também por sua atuação no SESC, como artista e articulador cultural.
Conhecedor de mpb, foi intérprete de clássicos como Pixinguinha, Noel, Lamartine, Lupicínio, e teve a oportunidade de dedicar espetáculos inteiros para reverenciar Cazuza e Renato Russo. Além da agenda individual intensa, sempre participa de shows coletivos, como Tem Cearense no Cerrado.
Agora, Nilson Lima chega maduro ao seu CD Toda a Palavra. São canções amorosas, costuradas por letras simples e melodias elaboradas. É uma fotografia fiel da sensibilidade do artista. Sua voz está adequada e bem à vontade, pois ele canta o que quer, na forma que seu coração manda. Não esqueceu de atrair pessoas especiais, como Simone Guimarães, Manasses e Zé Luiz Mazziotti. O disco foi gravado no eixo Brasília/Fortaleza - as terras de Nilson - e tem arranjos bem colocados. Os músicos, como se vê na privilegiada ficha técnica, são da melhor qualidade,
Sua voz realça um repertório de autores nacionalmente aplaudidos, mas abre espaço para os que estão escrevendo a história da música de Brasília. Particularmente, sou grato pela inclusão de uma parceria minha com Dominguinhos, o que me deixou muito feliz. Agradeço ao Nilson por este excelente trabalho, e sei que falo em nome de muitos artistas e do público que reconhece o valor da música brasileira.
Valeu demais.

Clodo Ferreira.


"... Amigo é coisa pra se guardar dentro do peito..."
Nilson Lima


Nenhum comentário:

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!