sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Gaubi Vaz - Amigos

Gaubi não é cearense, nasceu em Campina Grande, Paraíba, mas devido à sua estreita ligação de amizade com a maioria dos músicos cearenses e pelo fato de seu CD Amigos ter sido gravado em Fortaleza, com músicos da cidade, ele está aqui. Reproduzo abaixo, artigo publicado no Jornal Correio da Paraíba que resume a trajetória do cantor/compositor Gaubi Vaz.

“No consultório todos o conhecem como o dr. José Dagmar Vaz. Nefrologista paraibano, que formou-se no Rio de Janeiro, e atualmente se divide entre pacientes de Maceió, cidade que adotou para morar, e Fortaleza. Para os amigos, simplesmente Gaubi Vaz. Compositor e companheiro de longas datas de grandes nomes da MPB como Fagner, Zé Ramalho e Lenine, que resolve agora lançar o CD 'Amigos', com letras e canções de sua autoria, dos amigos e do irmão mais velho Ribamar, que tanto o influenciou. O CD foi produzido por Ricardo Bezerra e gravado no Estúdio Ararena, em Fortaleza (CE), com a bênção dos amigos Adelson Viana, Aroldo Araújo, Cristiano Pinho, Manassés, Tarcísio Sardinha, os quais lhe presentearam com arranjos modernos e primorosos. Outros amigos o prestigiaram com participações especiais, como é o caso de Amelinha, Chico Pessoa, Chico Pio, Humberto Pinho e Sérgio Sá.

Trajetória

Gaubi Vaz viveu sua infância e adolescência se dividindo entre o Ceará (Orós) e a Paraíba. Antes mesmo de adolescer já gostava de música, certamente por influência da mãe Acidália e do irmão mais velho, Ribamar. Escutava Jovem Guarda, boleros, Orlando Silva, Luiz Gonzaga, Marinez, Abdias, vibrava com os festivais da canção nacionais e internacionais, gostava de música francesa (Gilbert Becaut), dos Beatles e do movimento musical Tropicália. Na década de 70 foi para Fortaleza onde ampliou seus horizontes culturais. Nesta época seu contato maior era com o cantor e compositor Fagner, velho conhecido de Orós, com Ricardo Bezerra, arquiteto, compositor de grandes sucessos de Fagner (Manera Frufru manera, Cavalo Ferro, entre outras) o qual assina a direção artística do seu CD Amigos, com Manasses de Souza, Diretor Musical do seu CD, Amelinha, Belchior, Cirino, Francis Vale, Petrucio Maia. Morou na Paraíba em meados da década de 70, onde cursava medicina, estreitando sua relação com o cantor e compositor Zé Ramalho e com as bandas de rock da época – Os Quatro Loucos, os Diplomatas e com os músicos Alex Madureira e Fuba. Ainda através do amigo Zé Ramalho chegou até Pernambuco selando amizades com Alceu Valença, Lula Cortes, Paulo Rafael, Tiago Amorim Zé da Flauta. Em Natal fez grandes amigos dentre eles os cantores e compositores potiguares Mirabeau, Odaires, Terezinha de Jesus e o inesquecível Chico Miséria, produtor talentoso e amante das artes que criou o Circo da Cultura que acompanhou toda uma geração trazendo até a cidade Os Novos Baianos (Moraes Moreira e Cia), a Música Pernambucana, O Pessoal do Ceará, Rita Lee, sua comadre, Erasmo Carlos, o Tremendão e até Sting. Em Maceió, seu 1º contato musical foi com o compositor e músico Herman Torres quando da formação de uma banda para o compositor e cantor Fagner juntamente com o guitarrista Robertinho de Recife e o percussionista Erasto. Terminou o seu curso no Rio de Janeiro em 1981, dedicando-se a partir de então à profissão de médico, porém continuou convivendo com os amigos da parte musical Alex Madureira, Bráulio Tavares, Ivan Santos, Lenine, Tadeu Matias e com o então Diretor Artístico da CBS Beto Ribeiro. Com o passar dos anos, a música continuou presente em sua vida e por insistência dos amigos resolveu gravar o CD Amigos.”

Fonte: Jornal Correio da Paraiba
Autor: Redação com Assessoria


GAUBI VAZ – CD AMIGOS

1- Quem é você ? (Chico Pessoa/Gaubi Vaz) – Part. de Chico Pessoa
2- Até mais tarde (Chico Pio/Dunga Odakan/Caio Napoleão) – Part. de Chico Pio
3- Cena de novela (Amaro Penna/Totonho Laprovitera)
4- Contramão (Ribamar Vaz/Gaubi Vaz)
5- La Condessa (Ribamar Vaz/Ricardo Bezerra/Brandão) – Part. de Amelinha
6- O mais feliz dos mortais (Sérgio Sá)
7- Amargor (Sinedey/Socorro Japiassu)
8- Paixão (Herman Torres)
9- Rasga coração (Ribamar Vaz/Gaubi Vaz) – Part. de Humberto Pinho
10- Amigos (Sérgio Sá/Gaubi Vaz) – Part. de Sérgio Sá

Músicos que participaram do disco: Aroldo Araújo (baixo), Adelson Viana (teclados, piano, escaleta), Tarcísio Sardinha (violão), Cristiano Pinho (guitarra), Manassés viola), Denílson Lopes (bateria, pandeiro, shake),Carlinhos Ferreira (sax, clarinete), Hoto Jr. (percussão), Reno Saraiva (teclados, acordeon), Sérgio Sá (piano), Emily Burridge (violoncelo) e nos vocais Dinalea e Joze Queiroz.

2 comentários:

Titico disse...

Dr. Gaubi vaz, sei que você não imagina o quanto fiquei emocionado em sabe que alem de médico você também é cantor, D. Cidalia e sr. Expedito estão muito orgulhosos de ter um filho exemplar igual a você, eis um grande filho., particulamente eu era fã do Ribamar com também sou sei, achei que nas eleições você estaria lá, mas você não foi, fique muito triste em você não ter ido, e pela a derrota do Elizeu que toda a minha familia deste que quando morram em Orós que votam neles, mas O Cicero disse que eu não me preocupasse que quando você estivesse um dia em Orós iria mim avisar pra mim ver você porque já faz bastante tempo que não à vejo,
quero lhe Parabenizá por este trabalho maravilhoso que você nos deu, e que continue sendo o Cara legal e Especial que você é pra muito gente no Orós, não só lá, por onde você andar.

Um Grande Abraço do irmão do Cicero Cunha;

O Titico

Anônimo disse...

Sou italiano e tenho um carinho particular pela musica nordestina.Gostaria saber como procurar este cd,alguém pode me ajudar ?
Muito obrigado
Antonio

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!