terça-feira, 11 de março de 2008

Fagner - Show em Juiz de Fora, MG - 01/03/08



Juiz de Fora é uma simpática e próspera cidade localizada no sudeste mineiro. Por estar bem próxima do Rio de Janeiro -apenas 180 Kms separam as cidades- as influências cariocas como a música e o futebol são grandes na cidade e superam até o que acontece em Belo Horizonte. A cidade tem uma cultura musical bem forte e é berço de grandes nomes da MPB como Sueli Costa e Ana Carolina. Também tradicional em termos de festivais de música, Juiz de Fora possui um belo Teatro para espetáculos de grande porte que é o Cine Teatro Central. Construído em 1929, em estilo clássico, a decoração e o estilo do interior lembram um pouco o Theatro José de Alencar de Fortaleza. E foi justamente no Teatro Central que Raimundo Fagner se apresentou no dia primeiro de março . Sua última passagem pela cidade tinha sido no dia 11 de abril de 1992, quando fez dois espetáculos, em um ginásio. Em entrevista à “Tribuna de Minas”, Fagner ressaltou que foi no estado que ele estourou como compositor e cantor e deu ênfase ao seu projeto “Canteiros Musicais”que vem desenvolvendo em várias cidades mineiras com o apoio do governo estadual e que visa o acesso de crianças à tecnologia digital e ao aprendizado musical.

Com uma banda formada só com músicos cearenses – Adelson Viana (sanfona), Edmundo Jr (baixo), Ricardo Pontes (bateria), Hoto Jr. (percussão), Cristiano Pinho (guitarra) e Marcos Vini (teclados) - como ele mesmo gosta de ressaltar, Fagner iniciou o show com um bloco de canções de seu mais recente CD, “Fortaleza”. As canções apresentadas foram na seqüência: “Rancho das Flores”, “Colando a boca no teu rosto” e “Fortaleza” , quando ele comentou que todos amam sua cidade natal e que essa era a homenagem dele à capital cearense. O bloco seguinte foi composto pelos grandes sucessos: “Mucuripe”, “Guerreiro Menino”, “Fanatismo”,”Dezembros”, “Jura secreta”, Espumas ao vento”, “Revelação”, “Deslizes” e Borbulhas de amor”. O bloco das canções “nordestinas” como ele gosta de anunciar teve “Toque Sanfoneiro Toque”, também do mais recente CD, seguida de “Último pau de arara”, “Lembrança de um beijo”, “Você endoideceu meu coração” e “Vem morena”. O bloco final, já incluindo o bis, foi com “Canteiros”, “Pedras que cantam” “Cartaz” e “Deixa Viver” que encerrou o show para um teatro lotado e entusiasmado após 16 anos sem ver o artista.

No final do show, Fagner recebeu os cumprimentos e pousou para as tradicionais fotos e sessões de autógrafos durante um bom tempo, pois a fila para falar com ele era longa.
Tomara que Fagner não demore tanto para voltar à cidade que o recebeu com muito carinho e onde ele, com certeza, tem muitos fãs.

Nenhum comentário:

Vídeo de Zeca Zines no You Tube - Sensacional!